Revista Brasileira de Ensino de Jornalismo, Vol. 7, No 20 (2017)

O ato interdisciplinar como reafirmação do campo: singularidades e circunstâncias do jornalismo atual

Jorge Arlan de Oliveira Pereira

Resumo


O presente artigo busca compreender como tem se instalado um estado de tensão no campo disciplinar do jornalismo, resultante da cobertura jornalística realizada pelos meios de comunicação, das mudanças do comportamento social pelas novas tecnologias da informação e da falta de legitimidade das representações nas sociedades, com fragilização dos valores democráticos. Trabalha-se na perspectiva de que o que se encontra em crise, em última instância, não são os preceitos jornalísticos, mas suas práticas submetidas a critérios e condições que subvertem fundamentos do campo de conhecimento e da profissão. A presença destas práticas, nas condições objetivas mencionadas, constrói a impressão de que tais impasses inviabilizam o discurso tradicional do jornalismo, ao constituir um simulacro conceitual que (des)orienta a ação jornalística. A reorientação viria por um ingresso vertical nos fundamentos do campo.

Texto Completo: ARTIGO